fbpx

Indústria Recuperação de bombas industriais: qual resina de manutenção devo usar?
Autor: Edenilson Massagardi (Grupo Hard)

Data da publicação: 15 de junho de 2022

Você já ficou em dúvida na hora de escolher a resina de manutenção para recuperar sua bomba industrial? Essa é uma dúvida muito comum, afinal existem diversas opções no mercado, com diferentes aplicações e recomendadas para inúmeros usos.

Pensando nisso, apresentamos neste artigo as resinas de manutenção Hard indicadas para a utilização em bombas industriais. Esses produtos são referência de qualidade e durabilidade, então continue a leitura!

Por que devo recuperar minhas bombas?

Vários segmentos da indústria utilizam as bombas industriais em seus processos, pois têm a necessidade de bombeamento e transferência de fluídos líquidos e gasosos, além de pequenos sólidos. Esses equipamentos dão mais agilidade a linha de produção, dessa forma aumentando a produtividade e otimizando o tempo.

Com isso, é normal o surgimento de problemas nesses itens conforme o uso. Os mais comuns são:

  • Cavitação, bolhas de vapor causadas pela pressão dos fluídos;
  • Abrasão, desgaste causado pela fricção e/ou atrito;
  • Corrosão, perda de características importantes, como resistência mecânica, por exemplo.

Quando qualquer um desses problemas surge já passou da hora de realizar uma manutenção, a fim de evitar ao máximo que os processos industriais parem por causa de uma bomba danificada. Lembrando que sempre é melhor prevenir do que remediar, ou seja, o ideal é investir em uma manutenção preventiva, antes de ter que lidar com os problemas.

Conheça a linha de resina de manutenção de bombas da Hard

Para a manutenção industrial, a Hard conta com uma linha de produtos premium, composta por sete produtos. Para a recuperação de bombas, existe as soluções Extreme Wear Repair, Ceramic Repair e Ceramic Linning. Todas as opções são reparo a frio, eliminando as chances de qualquer deformação nas peças durante a manutenção e aumentando a vida útil. Além disso, em alguns casos, é possível utilizar o gel de superfície HSR 304/3 – Azul.

Aplicação da resina de manutenção Extreme Wear RepairA resina de manutenção Extreme Wear Repair é um sistema epóxi pastoso bicomponente com grãos grossos de carbeto de silício. Além de bombas, é indicado para revestimento e reparo de tubos, calhas, chutes, hidro ciclones, entre outros. Quando usado o endurecedor Gel, o produto adquire uma consistência pastosa, aplicável com espátula em espessuras de 5 a 20mm. Se for usado o endurecedor Líquido, o item adquire certa fluidez, mas sem escorrer. Deve ser aplicado com uma espátula e é adequado para reparos com espessuras de 5 a 15mm.

O Ceramic Linning e o Ceramic Repair também são sistemas epóxi bicomponente, desenvolvidos para proteger, recuperar e/ou reparar materiais suscetíveis à intensa abrasão e corrosão. Além de bombas, podem ser usados em carcaças, rotores e outros equipamentos que sofram ataques corrosivos e/ou abrasivos em sua operação. Porém, esses produtos não são iguais.

Antes e depois de peça com a resina de manutenção Ceramic RepairO Ceramic Repair é um material tixotrópico, ou seja, com uma consistência mais pastosa. Em sua composição, encontra-se grânulos médios de carbeto de silício, responsável pela altíssima resistência à abrasão. É ideal para peças que apresentam um nível de desgaste médio, onde será necessário o preenchimento de cavidades e buracos. Pode ser espatulado em espessuras de 5 a 10mm.

Aplicação da resina de manutenção Ceramic LinningJá a resina de manutenção Ceramic Linning é um material fluído, que contém grânulos finos de carbeto de silício em sua composição. É indicado para recuperar peças com desgastes superficiais ou dar acabamento em itens que foram reparados pelo Ceramic Repair ou Extreme Wear Repair. Pode ser aplicado com pincel, mas em uma espessura de 1 a 2mm apenas.

Para a mesma aplicação do Ceramic Linning, pode ser usado o Kit Hard Gel HSR 304/3 – Azul. Esse gel de superfície é fácil de aplicar e apresenta alta resistência à abrasão.

Extreme Wear Repair, Ceramic Linning ou Repair: qual é a melhor?

A resposta para essa pergunta é: depende do nível de desgaste da peça a ser reparada. Afinal, todos os produtos carregam o selo de qualidade Hard, especialista nesse tipo de material há mais de 35 anos.

Bombas com nível alto de desgaste e que apresentam buracos maiores exigirão o uso de uma resina de manutenção  como o Extreme Wear Repair. Independente se for a versão líquida ou gel, essa solução apresenta uma resistência altíssima à abrasão, cavitação e corrosão. Em alguns casos, depois da aplicação do Extreme Wear Repair, será necessário a aplicação do Ceramic Linning ou HSR 304, para dar acabamento.

O Ceramic Repair é indicado para bombas com um nível médio de desgaste, onde há buracos e cavidades menores a serem preenchidos. O Ceramic Linning, assim como HSR 304/3 – Azul, também podem ser usados para dar acabamento depois da aplicação do Ceramic Repair, além de recuperar peças com baixo nível de desgaste.

Lembrando que todos os produtos não permitem lixamento, usinagem e/ou furação. Também devem ser aplicados sobre a superfície limpa, lixada e de preferência jateada e seca, o que garantirá a boa aderência do produto escolhido.

Quer um reparo de qualidade para a suas bombas? Converse com um especialista e conheça as resinas de manutenção da Hard.

Tags: , ,

0 Comentários

Deixe o seu comentário!